ORM / Barra Topo
Logo Parazão
Mesmo com rebaixamento, Paysandu pontuou 13 vezes mais que o Remo no ranking

Papão pontua 13 vezes mais que o Leão no ranking
       
Apesar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o Paysandu conquistou este ano 1.640 pontos no ranking da CBF (1.140 pelo 17º lugar na Série B e 500 pela 3ª fase da Copa do Brasil), enquanto o Remo conquistou apenas 125 pontos (1ª fase da Copa do Brasil). Ou seja, o Papão teve uma pontuação 13 vezes maior que o rival, conforme os critérios da Confederação Brasileira de Futebol. Isso, porém, não deve alterar a posição do Paysandu (37º) na atualização do ranking, em breve. O Remo (62º) vai perder posições, superado por clubes que estão abaixo no ranking atual, como Oeste-SP, Tupy-MG e Cuiabá-MT. O Águia (54º) vai ser superado pelo Treze-PB.
       
Desde 2011, o ranking oficial da CBF alterou os critérios, passando a computar somente os pontos dos cinco últimos anos. Por ter ficado fora do Brasileiro em 2009, 2011 e 2013, e ser mero aspirante à Série D, o Remo desabou do 27º lugar (pontuação em toda a história das competições da CBF) para o atual 62º lugar, enquanto o Paysandu passou do 33º para o 37º lugar. O valor do ranking para a CBF está na atribuição de vagas na Copa do Brasil. Um critério que passa também pelo ranking das Federações. O Pará é o 13º colocado e não deverá mudar de posição na atualização do ranking. 
 
                 
Lima, um nome com efeito imediato no Papão
        
A média de 0,7 gol por jogo com a camisa do Joinville nos últimos cinco anos é a credencial do potiguar Lima, 31 anos, para elevar o ânimo dos bicolores a partir do anúncio da sua contratação. Foram 140 gols em 202 jogos. Na recente Série B foram 14 gols. Mas a cidade catarinense deixou de ser o paraíso do atleta na semana passada, quando a juíza da 1ª Vara Criminal de Joinville, Karen Schuber, determinou que ele vá a júri popular, junto com a namorada Thaís Helena. Os dois serão julgados por aborto, que teria sido provocado em 2011. O julgamento ainda não tem data. Conturbado, Lima pediu para rescindir contrato com o Joinville e foi atendido. Oferecido ao Paysandu, foi contratado como grande cartada bicolor para 2014. Esta coluna adiantou na última quarta-feira que Lima seria o alvo bicolor na busca de um homem-gol, diante da possibilidade de Marcelo Nicácio não ficar no clube.
 
                  
Quem tem melhores credenciais no Baenão?
         
Novos jogadores estão chegando ao Baenão, renovando as esperanças da torcida remista. E dos jogadores que já compõem o elenco, quem tem melhores credenciais? Além dos jovens Jonathan e Alex Ruan, bons frutos do clube, são bem cotados o goleiro Fabiano, titular absoluto desde que chegou, há um ano (34 jogos); Val Barreto, artilheiro azulino na temporada (14 gols) e Ratinho, autor de 19 gols nas várias passagens pelo Leão, desde 2008.
         
As atenções serão direcionadas para os novos contratados, mas a base que já existe não pode ser desprezada. Com todo o trabalho que vem sendo feito, é a base atual que deve dar suporte para o amistoso do próximo dia 15, contra o Londrina, no Mangueirão. E aos poucos Charles Guerreiro fará o upgrade no time com a introdução das novas peças, durante a pré-temporada, com foco no jogo do dia 13 de janeiro (segunda-feira), estreia remista no Parazão, contra o Cametá, no Mangueirão. 


Para ler a coluna completa, assine O Liberal Digital!

Napoleão
Perfil

Carlos Ferreira
Comentarista

Carlos Ferreira é comentarista da TV Liberal (afiliada da Rede Globo em Belém) e do jornal O Liberal.